sábado, 26 de dezembro de 2015

Hoje e Sempre

Hoje
consigo te ver,
quando não puder
hei de te ouvir,
quando não conseguir?
Poderei respirar teu perfume
quando não der?
sentirei teu calor.

E, quando nem isso mais for possível?

Saiba que estarei sempre contigo
no calor que te abraça,
nos perfumes que sentes,
nos sons que ouves,
na luz que ilumina teus sonhos.
Até voltar a sermos um.
Sempre...



Para E.K.S.
(1950 - 2016)